Biografia

Nasceu em Queluz, em 1967. Filho de Alfacinha e Alentejana, frequentou o Liceu de Queluz. Mestre em Engenharia Informática na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e em Ensino da Informática pelo Instituto de Educação da Universidade de Lisboa. Vive na cidade da Amadora desde 1993. Pertence ao Teatro Passagem de Nível, grupo amador daquele município.

Iniciou-se na escrita, em 1987, com alguns poema publicados nos suplementos juvenis do Diário de Notícias e Correio da Manhã dedicados à publicação de textos, desenhos e fotografia. Publica ainda alguns poemas no Jornal de Letras e na Revista “Sol”. Em 1995, publica a colectânea de poesia “Dez”, onde participam entre outros, Pedro Mexia, Alexandre Andrade, José Mário Silva, Margarida Vale-Gato e Luís Filipe Silva.

Em 1996, vence o VII Concurso de Poesia Santo António da Charneca com o poema em 5 fragmentos “Alentejo”.

No teatro, escreve “A moura” (2013) – uma peça histórica que decorre no século XIV, reinado de D.Pedro I, e onde são apresentadas duas dezenas de personagens, numa encruzilhada histórica em torno de uma cativa moura.  Este espectáculo encenado pelo Teatro Passagem de Nível ganha o prémio do melhor espectáculo do XVI Festival de Teatro de Esmoriz, organizado pelo grupo de teatro Renascer.

Em 2020, vence 4º Concurso de Haicai de Toledo (Brasil) – Kenzo Takemori na categoria Internacional.

Atualmente é professor do ensino secundário.